29th Nov2010

Leslie Nielsen

by Pedro Henrique Gomes
Leslie Nielsen, ator e comediante (11/02/1926 – 28/11/2010)
20th Oct2010

3 anos de blog

by Pedro Henrique Gomes
Hoje o blog completa 3 anos de existência. Agradeço a todos que passam por aqui. Obrigado aos e-mails que são enviados com críticas, elogios e sugestões. Não vou parar de ver filmes, escrever ou mesmo realizar. Não consigo pensar em outro meio de comunicação que possa registrar tão bem quanto o cinema esse movimento do mundo – um registro necessário, aliás. Tudo que aprendi e aprendo sobre a vida são lições deixadas pelos filmes (e dos livros). Uma vida sem filmes é um vida escrava. Não quero morrer sem ter visto tantos filmes que ainda tenho que ver. Acredito que seja esse meu único medo nessa vida: o de saber que, quando morrer, não mais poderei ver filme algum. Mas o cinema é o que nos move.
29th Sep2010

Morre Arthur Penn

by Pedro Henrique Gomes
(27/09/1922 – 28/09/2010)

Como pode pessoas que nós nunca tocamos deixarem marcas tão fortes em nossas vidas? Um dia após completar 88 anos, Arthur Penn fecha para sempre seus olhos. Nesse momento qualquer lágrima pode escorrer de qualquer espectador de seus filmes. Art, o mundo é seu, agora.
12th Sep2010

Vá em paz, gênio!

by Pedro Henrique Gomes
Claude Chabrol (24/06/1930 – 12/09/2010)
04th Aug2010

Cinefilia repaginado!

by Pedro Henrique Gomes

Discutiu-se há pouco tempo se a crítica de cinema (e a própria cinefilia) não estaria em crise. Em meio a tantas opiniões, incluindo de quem defende que críticos existem poucos, mas emissores de gostos e sensações existem aos montes na internet, também surgiu a constatação de que a cinefilia está longe de estar em crise (a internet, pelo contrário, a ampliou, e muito) e a consequência é que a crítica também mudou de veículo. Hoje, a internet sadiamente abriga cinéfilos, críticos, comentaristas e, com orgulho, os tais emissores de gostos e sensações. É bom trocar idéia sobre cinema.

Um bando de malucos que adoram fazer isso também se reuniu para expandir esse universo. O Cinefilia nasceu dessa paixão comum. Sem a intenção de competir com portais de cinema. Apenas escrever sobre cinema. O que seria inicialmente um blog tornou-se um site. Como um espaço de reunião, a ideia é tornar o site um ponto de encontro também de quem costuma comentar em nossos blogs. De abrigar discussões. Por isso, você pode comentar em cada texto, em cada crítica, e convidamos vocês a fazerem isso.

Reformulado, com maiores funcionalidades e visual muito mais interessante, além de inúmeras propostas e ideias, o novo Cinefilia buscou também novos colaboradores. Bruno Cava (www.quadradodosloucos.blogspot.com), João Paulo (www.strangelovebloger.blogspot.com), Pedro Garcia (www.brasilcritics.com) e Marcio Dantas de Andrade juntam-se aos já conhecidos de vocês Fabio Rockenbach, Marcus Vinícius, Pedro Henrique, Otávio Almeida e Thiago Borges. A partir da sexta, dia 06, quem acessar www.cinefilia.net já estará frente ao novo site. Esperamos que visitem, comentem, discutam. A revista Cinefilia, distribuída em meio online e para download, será remodelada e a equipe também lançará no meio online e na revista especiais diversos, sempre tendo o cinema como principal objetivo. A casa é de vocês e está posta para troca de conhecimento e opiniões. Nos vemos por lá!

Equipe Cinefilia!

07th Jul2010

Tarantino vs Coen Brothers

by Pedro Henrique Gomes

Muito boa a compilação entre a obra de dois grandes diretores: Quentin Tarantino e o diretor de duas cabeças, Joel & Ethan Coen. A edição é de Leandro Braga, que já ficou famoso na internet em virtude de sua cinefilia projetada com esse vídeo. Vejam só!
18th Jun2010

100 melhores

by Pedro Henrique Gomes

A revista Empire também tem os seus melhores. A publicação norte-americana divulgou a lista dos 100 melhores filmes de todos os tempos. A lista, que se refere apenas a filmes de língua não-inglesa, pode ser conferida no próprio site da revista. Ó: The 100 Best Films of World Cinema

É, basicamente, para os norte-americanos, uma lista de filmes estrangeiros. Não é das melhores listagens (acho que os críticos da revista ainda não conhecem Takeshi Kitano), mas como todas são particulares à quem as escreve, deve-se respeitar. Legal é que tem dois brasileiros nela. Cidade de Deus, de Fernando Meirelles aparece na (vejam só) 7º posição. Em 57º figura Central do Brasil, de Walter Salles. Agradável surpresa na liderança: Os Sete Samurais, de Akira Kurosawa.
06th May2009

Tudo é Crítica vai ao salão de beleza…

by Pedro Henrique Gomes
Depois de mais de um ano com a mesma “carinha”, Tudo é Crítica ganha sua primeira modificação visual. Trata-se, como vocês podem ver, de um novo layout. A ideia não foi do editor do blog, que teimava em seguir com seu conservadorismo (tradição vindoura de sua cultura inútil) e mantinha a mesma estrutura visual desde o nascimento do blog em outubro de 2007. Luciano, parceiro e editor do A Sala, se encarregou de tudo. Tudo é Crítica agradece farfante, gordurante e elefantemente pela força, Luciano. Essa nova estrutura irá possibilitar certas vantagens que a outra não oferecia e com ela novidades virão por aí. Espero que todos gostem. E podem agradecer para o Luciano.